Soure: Jovem de 22 anos sequestrada a caminho do café.

. sábado, 30 de outubro de 2010
  • Agregar a Technorati
  • Agregar a Del.icio.us
  • Agregar a DiggIt!
  • Agregar a Yahoo!
  • Agregar a Google
  • Agregar a Meneame
  • Agregar a Furl
  • Agregar a Reddit
  • Agregar a Magnolia
  • Agregar a Blinklist
  • Agregar a Blogmarks

Violada por dois no meio de pinhal


Uma jovem de 22 anos foi sequestrada uma hora e violada por dois homens, um deles encapuzado, que a levaram para um pinhal. Ana, nome fictício, foi atacada à noite quando saiu de casa para ir "beber a bica" ao café da aldeia de Espírito Santo, Soure.

"O diabo estava à espreita quando a minha filha ia a passar ao pé do cemitério", contou ontem ao CM a mãe de Ana, que todos os dias fazia o mesmo percurso, mas na quinta--feira não chegou ao destino. Foi atacada a meio do caminho, depois das 20h00, por dois homens, um dos quais estava encapuzado, quando passava junto ao cemitério.

Segundo contou à mãe e às autoridades, os suspeitos agarraram-na, obrigaram--na a entrar num carro e levaram-na para um pinhal, onde a violaram. Uma hora depois, Ana foi libertada pelos suspeitos próximo da casa onde reside com os pais. "Apareceu a chorar e muito assustada", adiantou a mãe, que alertou a GNR e os Bombeiros de Soure. Foi submetida a exames médicos nos Hospitais da Universidade de Coimbra. "Já lhe tinha dito para não ir ao café de noite e voltei a avisá-la. Parece que estava a adivinhar", diz a mãe, referindo que a filha sofre de uma pequena deficiência mental e "é uma menina muito frágil". Ana diz desconhecer os agressores, mas a mãe acredita que já estavam à sua espera. A PJ de Coimbra investiga o caso.

In Correio da Manhã